Máscaras N95, PFF2, KN95 – Porque e como usar, onde encontrar e quais as diferenças?

Estamos no pior estágio da pandemia: com colapso dos hospitais e número de casos e mortes ainda em ascensão (beirando os 4 mil brasileiros mortos por dia)

mascara

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

É vital nos cuidarmos e instruirmos ao máximo quem está ao nosso redor.

Então, se você puder, fique em casa.

Entre os lugares que mais se transmite Covid-19, temos: transportes coletivos, supermercados, farmácias, hospitais e elevadores.

  • Se possível, tente evitar o transporte coletivo. Se você não tiver carro ou moto, tente montar uma rede de colegas de trabalho para fazer um grupo de caronas. Ou se possível, use bicicleta
  • Se possível, faça as compras de forma remota. A maioria dos supermercados e farmácias de bairro está fazendo algum tipo de venda via Whatsapp ou por aplicativos (iFood, Rappi, e os próprios aplicativos das redes de supermercados). Instrua os mais velhos em como usar esses aplicativos! Se não tiver jeito e precisar ir pessoalmente, procure ir em horários menos movimentados. E de preferência apenas uma pessoa da casa.
  • Qualquer tratamento ou exame que não for urgente, deve ser adiado. Alguns tipos de atendimento estão sendo feitos de forma remota, consultas com dermatologistas e psiquiatras, por exemplo. Pesquise sobre seu caso antes de ir no hospital.
  • não divida elevadores. Espere o próximo vazio ou vá de escadas.

Se mesmo assim você precisa trabalhar na rua ou com público, preste atenção extra no distanciamento, na higienização das suas mãos e braços, e principalmente nas máscaras.

CONTINUE LENDO A MATÉRIA

Continue reading

Panfleto com a forma correta de usar as N95 / PFF2 e lista das marcas e modelos de máscara reprovadas pela ANVISA

Leia o post com todas as informações aqui.

Panfleto PFF2 (novo)

Esse panfleto pode ser impresso e distribuído aqui.

A seguinte lista tem as marcas e/ou modelos que falharam em ou mais testes de segurança elaborados pela ANVISA. Evite-as

CONTINUE LENDO A MATÉRIA

Continue reading

Coronasomnia: insônia incontrolável e automedicada preocupa os especialistas em medicina do sono

Entre as muitas perdas sofridas por milhões de pessoas no mundo todo durante a pandemia da covid-19, a perda do sono pode ser a mais difundida, com consequências potencialmente duradouras e prejudiciais para a saúde física, mental e emocional, apontaram pesquisadores em medicina do sono.

bear-2382779_1280

Os resultados de vários estudos e pesquisas realizados durante a pandemia mostram que a maioria dos participantes tem relato de alterações clinicamente significativas da qualidade do sono, dos padrões de sono e dos distúrbios do sono.

CONTINUE LENDO A MATÉRIA

Continue reading

Estudo do Incor sobre sequelas cognitivas deixadas pela covid-19 pode virar referência da OMS

Líder de pesquisa que foca no diagnóstico e reabilitação de pacientes no pós-covid, a neuropsicóloga Lívia Valentin diz que falhas de memória ou atenção podem ser sinal de sequelas

despair-513530_1280

Muito pacientes que tiveram covid-19 relatam sinais e sintomas após se recuperar da doença. Um estudo inédito realizado no Instituto do Coração (Incor) analisou as consequências cognitivas que a doença pode deixar no indivíduo. Os primeiros resultados apontam que não só aqueles que tiveram a doença na forma mais grave sofreram com alguma sequela cognitiva, mas também aqueles que tiveram sintomas mais leves, incluindo os assintomáticos.

CONTINUE LENDO A MATÉRIA

Continue reading

Beber excessivamente na adolescência pode comprometer a integridade da substância branca

O consumo excessivo de bebidas alcoólicas na adolescência está associado a rupturas na integridade da substância branca, sugere uma nova pesquisa.

alkoghol-2714482_1280

Em um estudo caso controle com mais de 400 participantes, a associação foi mais pronunciada em adolescentes jovens e no corpo caloso anterior e médio, que tem papel na integração e comunicação inter-hemisférica da rede frontal.

CONTINUE LENDO A MATÉRIA

Continue reading

O que é a ‘vingança da hora de dormir’ dos jovens que trabalham demais na China

lights-3876157_1280

Emma Rao passou quase três anos sob o “esquema 966″, famoso na China: trabalhava das 9h da manhã às 9h da noite, seis dias por semana. Nascida em Nanjing, Rao se mudou ao polo financeiro de Xangai cerca de cinco anos atrás, para trabalhar em uma multinacional farmacêutica. O trabalho rapidamente passou a dominar a vida dela.

“Eu estava quase deprimida”, conta. “Não tinha vida pessoal.”

CONTINUE LENDO A MATÉRIA

Continue reading

Excesso de trabalho e pandemia podem desencadear Síndrome de Burnout

bulb-4957012_640

A sobrecarga de trabalho e o esgotamento devido a essa sobrecarga, que pode desencadear a Síndrome de Burnout, estão chamando a atenção dos profissionais da área médica do trabalho. Eles indicam a necessidade de maior atenção para os sintomas durante o período de tensão e fadiga provocado pela pandemia de covid-19, que trouxe a necessidade de manter o isolamento social pelo máximo de tempo possível.

CONTINUE LENDO A MATÉRIA

Continue reading

Um em cada 16 pacientes da Covid-19 desenvolve doença mental até três meses após a infecção, aponta estudo

Risco é duas vezes maior em pacientes que precisaram ser hospitalizados.

covid-5288310_1280

Um em cada 16 pacientes com Covid-19 que nunca teve uma doença mental será diagnosticado com algum transtorno desse tipo dentro de três meses após a infecção. O risco é duas vezes maior para os que precisaram ser hospitalizados.

CONTINUE LENDO A MATÉRIA

Continue reading